terça-feira, 16 de agosto de 2011

Matando a mim mesma a cada dia



Deus continuou falando ao meu coração sobre "matar a minha carne".
Em Sl. 84, 2 diz que o meu coração e a minha carne exultam no Deus vivo, EXULTAR quer dizer regozijar, se alegrar, ter prazer de estar na casa do Senhor e em sua presença.
Daí pensei; será que a minha carne tem prazer de estar nos átrios do Senhor mais do que outra coisa? Preciso renunciar as minhas vontades todo dia.
Deus me levou a ler em Mt. 5, 2-12 , na bem-aventuranças do crente, e esse é o caminho pra começar a renunciar a mim mesma. Mudar meu jeito de ser, de vestir, de falar, de tratar as pessoas; é renunciar a minha própria personalidade, aquela que eu nasci, pra viver a vida que Deus tem pra mim, minhas vontades, minhas manias, meus costumes, minhas crenças... A RENÚNCIA é o primeiro passo.
Depois disso, serei RECONHECIDA POR DEUS e por todos; sou sal da terra - que não perde o sabor , e luz do mundo - um farol que não pode se esconder ( Mt. 5, 14-15 ). Como Paulo disse, não vivo eu mais Cristo vive em mim.
Por último, em Sl. 25, 14 diz que a intimidade do Senhor é para os que o temem , a eles fará conhecer a sua aliança. O Senhor deseja que o conheçamos melhor para que ele se revele a nós, revele os seus segredos e isso é só para aqueles que o Pai tem INTIMIDADE.
Mas pra isso preciso continuar matando a minha carne todo o dia, tem que ser algo contínuo, não posso me dar ao Senhor pela metade, tem que ser de coração inteiro.
Andemos assim, renunciando a nós mesmos, sendo reconhecidos e íntimos do Pai.
Deus te guarde.



Um comentário:

  1. EU JÁ TINHA VISTO ESSE VÍDEO, EU AMEI ELE.KKK FICA COM DEUS.

    ResponderExcluir